Postagens

Mostrando postagens de Março, 2016

CLUBE DO POETA EMPOSSA SUA NOVA DIRETORIA DIA 27 DE ABRIL

Imagem
O Conselho Deliberativo e Fiscal do Clube do Poeta Sul da Bahia programou a data de 27 de Abril para dá a posse à nova diretoria executiva e o novo conselho, desta entidade. 
O evento será realizado no Centro de Cultura Adonias Filho, Jardim do O, centro de Itabuna, no horário das 19h, conforme informação do presidente do Conselho que sai, para tomar posse como presidente executivo, poeta, Adeildo Marques. 
Para isso a comissão organizadora do evento já está tomando todas as providencias para a realização de uma grande solenidade, levada a música e poesia!

Morre o húngaro Imre Kertész, Nobel de Literatura de 2002

DaAgênciaLusa O escritor húngaro Imre Kertész, Prêmio Nobel de Literatura em 2002, morreu hoje (31) em sua casa em Budapeste, aos 86 anos, informou a agência de notícias MTI. Judeu húngaro deportado para Auschwitz aos 15 anos, na sequência de perseguições nazistas, Imre Kertész tem sua obra marcada pelo holocausto. Mais tarde, ele foi transferido de Auschwitz para o campo de concentração de Buchenwald, de onde foi libertado em 1945 pelas tropas norte-americanas. Depois da guerra, foi jornalista e tradutor de autores alemães.

ITABUNA GANHA MAIS UMA EMISSORA DE RÁDIO AM/FM

Imagem
(A Rádio Interativa FM-97,03, será inaugurada dia 31/03, nesta quinta-feira, no Bairro São Caetano).
Com uma programação bastante variada, jornalismo, esporte, música, interatividade, evangelização e muita diversão extra, às 19h30, desta quinta-feira, 31, será inaugurada, a Rádio Interativa AM/FM da Igreja Católica, em Itabuna. O novo veículo de comunicação fica localizada no Convento da Igreja Santa Rita de Cássia, no Bairro do São Caetano.
A emissora que terá o prefixo AM-1160 e FM-93,7 inaugurará sua programação, transmitindo às 20h, ao vivo, a Missa de Ação de Graça pela passagem dos 86 anos do aniversário de Frei Joaquim Carmeli, um dos diretores do veículo e um dos Curriculum mais invejados da legião católica.   
A instalação da nova emissora está sendo esperada com grande expectativa, principalmente, por parte da dos católicos de Santa Rita de Cássia. Data que coincide com a grande programação do aniversário do Frei Joaquim, com cerca de 60 anos trabalhando em Itabuna e região.���…

DESRESPEITO AO FILHO DE DEUS À SEXTA-FEIRA SANTA

Imagem
DESRESPEITO AO FILHO DE DEUS *Joselito dos Reis
Lembro-me quando criança, juntamente, com meus irmãos. Meus pais naquela época, da quaresma (Semana Santa!), período em que Jesus Cristo, filho de Deus desceu a Terra para nos salvar e foi humilhado, massacrado, torturado e sacrificado, onde os homens pregaram seus pés e suas mãos com grampos... na Cruz. Nossos pais nos advertiam; “está chegando à Sexta-Feira Santa e, nesse período, em respeito ao filho de Deus, não podemos desobedecer aos nossos país; fazer estripulias e nem xingamentos, pois é pecado! E Deus não perdoa. Devemos guardar esses dias até que chegue o sábado da aleluia!... Estão avisados, para não receberem “a aleluia!”...  Que, na realidade, seria o nosso castigo, para quem não obedecesse à sua ordem, inclusive, para recebermos a benção da Sexta-feira Santa, tínhamos que nos ajoelhar, diante deles.  Era uma época de muita fé! Morávamos na roça, numa região chamada “da Zisca”, na área rural do município de Ibicaraí. Havia mui…

WALDENY ANDRADE TERMINA SEU TERCEIRO LIVRO

Imagem
O jornalista Waldeny Andrade, hoje escrito e, que já lançou duas obras: "Vidas Cruzadas" e "Ilha de Aramys", terminou recentemente de escrever a sua terceira obra literária. Desta vez, o titulo é: "A Serra do Padeiro".

Segundo o escritor, que foi por muitos anos diretor do Complexo Diário de Itabuna/Radio Jornal, o seu novo livro relata os conflitos entre os brancos e índios em Buerarema, Ilhéus, Una  e Canavieiras. Mas, a história se desenrola mesmo na Serra do Padeiro.

Waldeny, nos informou que a obra será lançada dentre em breve e que, só está dependendo das questões técnicas de editoração, através da  Editora do professor e sociólogo, Agenor Gaspareto. Vamos aguardar!

CASTRO ALVES LEMBRADO EM ILHÉUS

Imagem
No Dia de Castro Alves comemorado em Ilhéus No Dia de Castro Alves, prefeito assina convênio com a Academia de Letras de Ilhéus Jabes Ribeiro é um dos 40 imortais que integram a ALI e faz aniversário no mesmo dia de fundação da entidade

Durante a sessão de abertura dos trabalhos da Academia de Letras de Ilhéus (ALI), que homenageou a escritora Zélia Gattai, na noite de segunda-feira, 14, o prefeito Jabes Ribeiro assinou convênio de cooperação com a instituição, com o objetivo de subsidiar atividades de caráter cultural. O presidente da ALI, Josevandro Nascimento, lembrou a contribuição do prefeito (também membro da Academia), em mandato anterior, para a existência da sede da entidade.

A data de 14 de março é tradicional na história da Academia de Letras de Ilhéus, dedicada ao aniversário de fundação da casa, ao Dia de Castro Alves, ao Dia Nacional da Poesia e à abertura dos trabalhos acadêmicos. Além dos imortais, a solenidade contou com as presenças de escritores, jornalistas, ativistas…

CACAU DO LEITE” MEU PRIMEIRO EMPREGO:

“CACAU” E FLORISVALDO NOSSAS LEMBRANÇAS DE INFÂNCIA  Por - Joselito dos Reis*
Considerado como nosso primeiro patrão ficamos muito tristes quando soubemos da morte do senhor Nivaldino Miranda da Cruz, o nosso conhecido “Cacau”, do Bairro da Conceição, no ultimo dia 20 de Fevereiro de 2016.  Naquela época contávamos com dez anos de idade, possamos dizer ainda menino, aflorando a adolescência. Estudávamos na Escola Paulo Vl (Igreja de Nossa Senhora da Conceição), onde a passagem mais esperada era a hora do recreio, da merenda!  Isso, devido, a chegada do deguste do delicioso doce de leite e banana em rodela e em calda da cantina. Pois nessa época prestávamos serviço, com muita satisfação a “Cacau”. “Cacau” tratava a todos nós com muito respeito! Éramos entregadores do seu leite “in-natura”, de porta em porte; de casa em casa, através de vasos plásticos de medida, de um a dois litros no próprio bairro. 
Muitas vezes usando um carrinho de mão. Trabalhávamos, a bem verdade, como crianças, mas…

UM POEMA RECENTE DE JOSELITO DOS REIS

TAMBORES DA MORTE...
Aos governantes, da união, estado e munícipes
Na minha cidade, doente e calda... De um poeta de alma sofrida e triste Um povo chora perdido na dor...!
Cidade de praças sujas e vazias... De rio esquecido no tempo e poluído... De jardins sem vida e sem flor!
Demagogicamente ainda soltam fogos!!! Dos dominantes, imbecis, perdidos ao leu! Comemorando talvez o nada, a dor...! De miseráveis enfermos a própria sorte!
Vitima de uma maldição sem perdão! Gente cabisbaixo refém da mentira De um sistema, de um mosquito qualquer... Sentindo o medo da temível morte!
E assim caminha a minha cidade! E assim caminha a minha cidade! E assim caminha a minha cidade!
Triste maldade! Triste maldade! O poeta avisou!!!
Adeus água potável... A água salgada chegou! Os tambores da magia soam à morte!




                                                                         Joselito dos Reis
                                                                               07.03.2016