Postagens

Ótima oportunidade para os artistas do sul da Bahia

Imagem
Festival de Música da Rádio MEC 2021: faça sua inscrição aqui Leia o regulamento e preencha o formulário para concorrer Festival de Música Rádio MEC No AR em  23/04/2021 - 16:24 De 26 de abril a 21 de junho, intérpretes e compositores de todo o Brasil poderão inscrever suas composições na 13ª edição do  Festival de Música Rádio MEC . Ao todo, 12 prêmios serão distribuídos em quatro categorias: Música Clássica, Música Instrumental, Música Infantil e Música Popular. De cada uma, sairá a melhor composição inédita, o melhor intérprete e a vencedora no voto popular, via internet.   Conheça o edital do Festival de Música da Rádio MEC 2021  e inscreva-se pelo formulário abaixo:   Criado em  23/04/2021 - 16:24 DÊ SUA OPINIÃO SOBRE A QUALIDADE DO CONTEÚDO QUE VOCÊ ACESSOU. Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação. Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerind

Ciência e literatura infantojuvenil em live da Editus

Imagem
“Pesquisas acadêmicas e o colorido da literatura” é o tema da live promovida pela Editus - Editora da UESC nesta quarta-feira (26), às 15h30, em seu canal no YouTube. A próxima edição do projeto Pensar o Livro marca o lançamento de Caderno de identidade de Serena Kiza, da Prof.ª Maria Luiza Santos (DFCH/UESC), e Ciências e literatura em cores, das professoras Silvana Miranda (Rede Municipal de Ensino/Itabuna) e Viviane Briccia (DCIE/UESC). As autoras vão falar sobre a potência do livro como instrumento de divulgação da ciência e auxiliar no processo de ensino-aprendizagem. O Caderno de identidade de Serena Kiza é um livro interativo, em que o leitor também desenvolve a autoria. “O texto cria a oportunidade de conhecimento de identidades e preconceitos ao mesmo tempo em que permite a expressão do leitor sobre questões que possam incomodá-lo”, reflete a Prof.ª Maria Luiza. Já a Prof.ª Viviane Briccia destaca a importância da alfabetização científica e a literatura como uma interface fund

TRÊS ´POEMAS RECENTES DE JOSELITO DOS REIS

  DUPLA DOR   Só quem sabe o tamanho e a dimensão  Da minha própria dor Sou eu, mesmo...!   Mas com perfume e flor.  Maior do que ela...   É suportá-la e disfarçá-la Para transformar tristeza Em alegria...   Em minhas faces Num disfarce  De um sorriso morno Quase morto! Para você... sociedade!   27.05.2021   ENCANTO....   Eu sou resto Dos restos...  Passo dos passos De corpos celestes   De seres de luz  Do Universo... Dirigido pelo o Pai do Altíssimo Aqui neste Planeta    Por isso quando for embora... Este resto, restos... Ficarão sem destinos Aqui na terra...    E minha, minha Luz  Das luzes  Ganharão o infinito. Sem grito E sem conflito. No silencio com o desencanto  E encontro com Deus. Adeus...   “A minha mãe Josefa dos Reis Santos  Que nos deixou e partiu... há um mês.”.   25.05.2021       FRIEZA...   Neste mundo louco De ida sem troco  Onde a ilusão Supera a emoção... 

Poema in-memorem dedicado a minha mão

Imagem
  Adeus Eterno   Sua dor física Torturando meus sentimentos Em gemidos De noites curtas e enfadonhas De mais um ouvir do cantar do galo De gritos sufocados... De doloridos traumas No espírito e na alma... O desencantar se tornava mais próximo De um desencarnar a se anunciar...   Entre o sofrer; sorrisos e lágrimas A despedida num leito de hospital se fez... De repente os pássaros pararam de cantar A flor de desabrochar, do perfume exalar... O galo não cantou! Tudo em silencio...!   No entardecer do prenúncio De mais uma noite... Onde o amanhecer não veio... Quando a aurora não surgiu...   A luz eterna se fez presente! E você foi parar na dimensão estrelar... Partiu para a imensidão de um novo destino Anjo Bom de mais uma moradia infinita Entre milhares de Deus Pai...   Até breve mãe! Em seu reino de amor no encanto Se desencantou... E se fez Luiz Divina Que se reluz... Jesus! ____________________________ À minh

“CANÇÃO PARA UMA FLOR DE BARRO” ENCERRA NESTA QUINTA O “VOZES ENCENA INTERIOR”

Imagem
  “CANÇÃO PARA UMA FLOR DE BARRO” ENCERRA NESTA QUINTA O “VOZES ENCENA INTERIOR”   A primeira edição do projeto “Vozes Encena Interior”, do Grupo de Teatro Vozes, encerra nesta quinta-feira (29), as “quintas culturais”, com o último espetáculo do projeto neste ano de 2021, a peça “Canção Para Uma Flor de Barro”, escrito e dirigido por Marquinhos Nô. Com um público estimado médio de 390 espectadores, o projeto foi um dos mais bem sucedidos em Itabuna em termos de performances teatrais na internet.   O último espetáculo chega com a história de Ana, 23 anos, filha única adotada por uma trasvesti doente (deficiente física, cega), que sofre preconceitos ao extremo e não tem condições de trabalhar.   A travesti comprou Ana no sertão. Seus pais biológicos a venderam para saciar a fome.    Por conta das limitações, no entanto, as duas passam fome. Sentindo e vivendo tudo isso, Ana então resolve se entregar para um homem machista e canalha, com a finalidade de ter um sustento para si e para a m

DOIS POEMAS RECENTES DE JOSELITO DOS REIS

Imagem
Cidade de Itabuna, Rio tomado pelo o esgoto! Cidade turva... Neste dia "Porque todo dia é dia Do meu PAI"... Resolvi caminhar Pelas ruas, avenidas Da minha cidade... Vias sem vida e sem calor, sem cor. Triste! Como já disse antes "Cidade triste"... De gente torta De horizonte vazio De Rio poluído Mau cheiro a exalar... Escuro e frio. De pobres peixes a balbuciar o oxigênio da água morta... Caía uma chuva fria Que parecia lágrimas Dos peixes querendo viver... Na tortura do sofrer Do erro da dor do odor Feito do homem predador Poluidor mil do Rio e da atmosfera... Do ar. Neste dia sem cor Até o sol se escondeu Para não brilhar! Mas na beira-rio Ainda existe vida E flor... Joselito Dos Reis 10.04.2021. Sonho... O seu vestido de algodão Colado nesse magmifico corpo angelical De cor azul  De sol dourado e radiante... Fez brilhar minha alma E balançar meu coração  Trazendo de volta  O meu sorriso triste e apagado Que estava no tempo perdido... No seu abraço Senti paz sem

Livros e autores da Editus na 2ª Feira ABEU

Imagem
Depois do sucesso da primeira edição, em 2020, a Associação Brasileira das Editoras Universitárias (ABEU), promove de 08 a 17 de março a 2ª Feira Virtual da ABEU, um evento reúne mais de 60 editoras do Brasil e da América Latina e tem como foco promoção de livros impressos e digitais, e-books para download gratuito e uma intensa programação cultural. Para adquirir as publicações da Editus - Editora da UESC e conferir toda a programação, é só acessar https://www.feirabeu.com.br/. A Editus também integra a programação cultural com quatro rodas de conversa para lançamentos de livros. Todas as lives da Editora serão às 14h, com transmissão via Facebook https://www.facebook.com/editoradauesc . No dia 09/03, a primeira roda tem como tema Livro infantil: para além das histórias . A mediação será feita pelo advogado e poeta Geraldo Lavigne, e como debatedores estão a Prof.ª Fátima Gondim (CAPI/Ipiaú), autora do livro Jardim encantado, Prof.ª Maria Lícia Queiroz (DCET/UESC) autora do livr