Dimas Braga um patrimônio vivo de Itabuna


O poeta grapiúna Dimas Braga há muito tempo - não deixando de escrever poesias - enveredou nas artes plásticas. Neste campo da arte, está desenvolvendo um trabalho de resgate à memória de Itabuna e, segundo ele, também do Rio Cachoeira.

Esse seu trabalho é visto na região, em muros de colégios e logradouros públicos, desde o distrito de Acuipe e Mamoã, no Município de Ilhéus, e nos bairros de Itabuna, com especial destaque para o bairro de Ferradas.

Sem fins lucrativos, ele apenas busca apenas o ressarcimento do custo do material usado, o poeta Dimas Braga, com a sua sensibilidade, visão e ousadia , conta com o apoio da Secretaria de Educação de Itabuna, através de Gustavo Lisboa. Mas, esclarece que 70% do apoio vem do povo.
A arte nos muros, um trabalho de dez anos

O poeta e artista-plástico ressalta que tem autorização do Secretário Gustavo Lisboa para realizar esse trabalho em qualquer escola do município. Também realiza nos colégios da rede estadual, com as despesas do material gasto, pagas pelo próprio colégio.

Dimas Braga, sócio do Clube do Poeta Sul da Bahia, é um dos poetas mais brilhantes da Terra Grapiúna, nascido em Itabuna. Militou no jornalismo e hoje é professor. Como poeta têm vários trabalhos publicados e é detentor de vários prêmios a nível nacional.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Professor João Cordeiro de Andrade homenageado pela FTC/Itabuna

Faeg vence edital para semear cultura pelo sul da Bahia

RECUPERAÇÃO DA MATA ATLÂNTICA EM LIVRO