PRODUÇÃO AUDIOVISUAL É TEMA DE NOVO LIVRO DA EDITUS

A Editus – Editora da UESC acaba de publicar o livro Desenvolvimento de Projetos Audiovisuais pela metodologia DPA, do diretor argentino Pablo Del Teso, mestre em cinema pela Universidade de Londres, traduzido pelas professoras Cristina Cardoso e Raquel Ortega, do Curso de Letras da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC).  No livro, o autor apresenta as três etapas do processo produtivo (pré-produção, produção e pós-produção), incluindo a divulgação do material, a partir de uma ótica financeira e de gestão.
Del Teso destaca que para se atingir o sucesso de uma produção videográfica, o instrumento audiovisual deve estar associado diretamente a qualidade, metodologia e organização do projeto. Assim, o autor ressalta o planejamento prévio das etapas de produção e a captação de recursos para a execução desse processo.

No decorrer dos seis capítulos que abrangem essa publicação, o autor traz de forma didática e acessível as estratégias do mercado audiovisual para se atingir um alto nível de espectadores, destacando fragilidades e possibilidades. Por isso, é fundamental o uso de uma metodologia adequada, que atenda os interesses da equipe, mas também dos investidores. Diante disso, o Diretor apresenta um procedimento passo-a-passo aplicável ao desenvolvimento de projetos audiovisuais de qualquer natureza, partindo da definição da metodologia DPA à fase metodológica de pós-desenvolvimento.

O livro Desenvolvimento de Projetos Audiovisuais pela metodologia DPA está disponível na Livraria da Editus, localizada no Centro de Artes e Cultura Paulo Souto, na UESC. Na internet, o leitor pode encontrar essa e outras publicações nos site www.bookpartners.com.br. Para os interessados em conhecer títulos variados da editora, basta acessar o site www.uesc.br/editora. Pedidos podem ser feitos pelo e-mail vendas.editus@uesc.br ou pelo telefone (73) 3680-5240.

EXPOSIÇÃO FOTOGRÁFICA MARCA OS VINTE ANOS DA EDITUS


Quem se aproxima da entrada da Torre Administrativa da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) pode conferir a exposição fotográfica Entrelinhas, que conta um pouco da história da Editus – Editora da UESC – junto com alguns dos personagens que contribuíram para sua consolidação como ferramenta de promoção da leitura. A exposição foi lançada na 4ª Feira Universitária do Livro da UESC e agora segue com mais fotografias em novo espaço.

História
Do Núcleo Editorial Didático da antiga FESP – Federação das Escolas Superiores de Ilhéus e Itabuna –, atual UESC, nasceu a Editus, projeto idealizado e fundado pela então Reitora Renné Albagli (1996-2004). O amadurecimento da produção editorial do Núcleo, que se restringia à publicação da Revista FESP e à comunicação visual da Universidade, impulsionou a publicação de livros.
Sob a coordenação da Profa Maria Luiza Nora (1996-2011), a Editora publicou o primeiro título:O Auto do Descobrimento - o romanceiro de vagas descobertas, de autoria do escritor Jorge Araújo. Em comemoração aos 500 anos do Brasil, lançou uma Revista FESP especial, com o selo editorial da Editus.
O rico acervo da atualidade é resultado de uma história escrita por muitas mãos! Para simbolizar todos aqueles que contribuíram para esse reconhecimento, algumas pessoas foram homenageadas este ano: a Reitora Renée Albagli (1996-2004), a Diretora da Editus Maria Luiza Nora (1996-2011), Ubaldo Santos (Diretor da Gráfica), George Pellegrini (Criação e Produção), Henriqueta Souza (Bibliotecária), Dorival de Freitas (in memorian - Revisor), Jorge Octávio Moreno (Administrativo), Jorge Araújo (Autor), Profa Margarida Fahel (Parecerista), Profa Lurdes Bertol (Conselheira), Maria Schaun (Livraria) e Profa Tica Simões (Autora). O reconhecimento se deve às contribuições de cada um nas áreas de produção, criação, administração e gestão.
Para a Profa Maria Luiza Nora, a “Editus sempre contou com pessoas, e eu estou falando de equipes, que gostam do que fazem e sabem da importância deste trabalho”.

Atualidade
A Editus segue ainda mais forte nas suas atividades de promoção literária e difusão do conhecimento. Hoje, a Editora disponibiliza em seu catálogo mais de 200 títulos, distribuídos nas áreas de africanidades, agrárias e ambientais, comunicação, Braille, cultura e turismo, direito, economia, educação, exatas, filosofia, geografia, história, infantojuvenil, literatura, saúde, entre outras, fortalecendo o seu papel no desenvolvimento regional e divulgação do acervo cultural do Sul da Bahia no âmbito local, nacional e internacional.
Por meio de projetos, parcerias e eventos que incentivam a leitura, a Editus firma o seu compromisso com a formação de novos leitores e o compartilhamento de saberes. Nesse sentido, também, o Editus Digital (goo.gl/jMTfo0) permite o acesso aberto às suas produções. Após seis meses de publicação, todos os livros passam a ser disponibilizados para download gratuito, a fim de que atinjam um maior número de leitores. O Portal de Periódicos da UESC (http://periodicos.uesc.br/) é outra iniciativa da Editora nesta direção.
Para a Profa Rita Virginia Argollo, Diretora da Editus desde 2012, “como editora universitária de uma instituição pública, a Editus tem clareza do seu papel como agente de transformação social, difusão e democratização do acesso ao conhecimento e vem trabalhando nesta perspectiva desde que foi criada”.
Todas as produções da Editora podem ser encontradas no www.uesc.br/editora. Aproveite e confira também os livros disponíveis para baixar gratuitamente. Para outras informações, ligue (73) 3680-5240.
Da assessoria

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Professor João Cordeiro de Andrade homenageado pela FTC/Itabuna

Faeg vence edital para semear cultura pelo sul da Bahia

RECUPERAÇÃO DA MATA ATLÂNTICA EM LIVRO